Encabezado de página

Comentarios del lector/a

Custos em adquirir um automóvel

de carlos silva (2018-10-25)


Para começar, o financiamento é uma das principais formas de aquisição de automóveis no Brasil, o que compromete o orçamento dos compradores, geralmente, por um longo prazo. O custo do veículo ainda inclui a depreciação sofrida, comprovadamente maior no primeiro ano. Além disso, é preciso pensar no combustível, nas revisões, no seguro e nas taxas como IPVA SP 2019, Sem contar as despesas extras, com estacionamentos e limpeza, por exemplo. Então, confira, item a item, os custos que é preciso ter com um automóvel ao longo de um ano. E para ter uma noção melhor, você ainda pode reparar nos infográficos que estão no final deste texto, com valores comparativos dos gastos anuais de alguns dos carros mais vendidos do país. Além do custo para ter o veículo em si, para mantê-lo, também é necessário pagar taxas governamentais, como o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e o seguro de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT). O custo do IPVA é determinado pelas Secretarias de Fazenda Estaduais, de acordo com o valor venal de cada modelo (valor da tabela Fipe), sendo, em média, 4% desse total (a porcentagem varia por estado brasileiro). A quitação do imposto (em parcela única ou parcelado) é condição para o licenciamento do veículo. Apenas ter reserva financeira suficiente para quitar o valor do veículo à vista ou para pagar as parcelas do financiamento não irá garantir que você consiga custear as despesas mensais para utilizá-lo, que podem ser um grande peso para seu orçamento, dependendo do modelo e do ano do veículo. Os custos mensais variam de acordo com o carro, mas é possível calcular e prever o que terá que desembolsar. Papel e caneta na mão para descobrir quanto custa seu carro. Pago uma vez ao ano, o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) custa em média 4% do valor venal de um automóvel, sendo isento apenas para os carros que circulam há mais de 20 anos. Para um veículo avaliado em R$ 40 mil, portanto, o valor do IPVA fica em média R$ 1,6 mil ao ano. O pagamento pode ser feito à vista e com desconto em janeiro; à vista em fevereiro, porém sem desconto; ou então, em três parcelas, nos meses de janeiro, fevereiro e março. Quem consegue se planejar e reservar parte do 13° salário para o pagamento do IPVA TO 2019 em janeiro, pode aproveitar o desconto que costuma ser bastante interessante. Os gastos com Uber ou táxi podem ser calculados somando quanto custa, em média, a corrida nos principais trajetos percorridos pelo usuário: de casa para o trabalho, para o restaurante preferido, academia, casa de amigos e familiares, por exemplo. Em geral, o custo do carro compensa em relação aos gastos com Uber ou táxi para pessoas que trabalham em bairros muito distantes de onde moram. “O quilômetro rodado do Uber ou táxi é maior para eles. Quando maior a quilometragem, maior essa diferença”, explica o educador financeiro Décio Kimura, do site Minhas Economias. Já para quem faz pequenas distâncias, sai mais barato andar de táxi ou Uber todos os dias do que manter um carro, explica Kimura. Sabe-se que um carro no Brasil circula, em média, 20 mil quilômetros por ano. Ainda, apesar de cada modelo percorrer distâncias diferentes com um litro de combustível, a média de gastos aproxima-se de 12 quilômetros por litro. As revisões de segurança de um veículo devem ser feitas a cada 10 mil quilômetros rodados. Então, se a média nacional é de 20 mil quilômetros anuais, vamos considerar então que você deverá fazer duas revisões no seu carro por ano.



ISSN: 2523-6342